segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Nem sexo, nem drogas, sé rock and roll

O pastor batista Mike Huckabee, 51 anos, um “ex-viciado em comida” que perdeu 50 quilos em 60 dias e virou um menestrel das dietas, poderá ser o próximo presidente dos Estados Unidos. Ex-governador do Arkansas que nasceu na mesma cidade de Bill Clinton, Hope, Huckabee teve uma ascensão meteórica nas pesquisas de opinião nos últimos dias, batendo todos os outros candidatos à indicação do Partido Republicano para concorrer à presidência.
Os jornais atribuem a virada à religiosidade de Huckabee, o que cai como uma luva nos eleitores que, em matéria de política, preferem à Bíblia à Constituição. O homem é contra o aborto, o casamento homossexual e pesquisas com embriões humanos, embora não repita estes mantras da direita nos discursos e entrevistas. Ao contrário, ele parece um livro de auto-ajuda que se abre a cada questionamento dos eleitores ou dos jornalistas. Olhos nos olhos, voz firme, postura de vencedor, Huckabee prefere falar, por exemplo, do direito do cidadão em portar armas.
- A violência diminui quando o criminoso sabe que vai encontrar na próxima esquina um cidadão armado disposto a matá-lo, caso seja necessário, disparou ele outro dia.
Huckabee nunca fumou ou bebeu. Depois de ter sido diagnosticado com diabetes em 2003 e ter sido avisado por seus médicos de que morreria no máximo dentro de 10 anos, fez regime, correu maratonas como de Nova York e, ainda, elegeu o perigo da obesidade como tema de seus dois governos no Arkansas. Lá, traindo outro mantra republicano, elevou os impostos e é criticado até hoje por isto. Como o ex-presidente e conterrâneo Bill Clinton, que pensava tocar saxofone, ele arranha uma guitarra em concertos de rock and roll.
O ex-governador do Arkansas estava, até um mês atrás, na lanterna das pesquisas de opinião, o que o deixava à míngua na arrecadação de recursos para a campanha. Gastou só passagem de avião para conquistar eleitores de Iowa, o Estado que hospedará o cáucus no dia 3 de janeiro e que é a porta de entrada para medir a preferência do eleitorado. Lá, seu oponente mais próximo no Partido Republicano, Mitt Romney, o ex-governador de Massachusetts que é mórmon e milionário, já gastou mais de US$ 10 milhões do próprio bolso para ganhar a simpatia dos eleitores conservadores. Em termos nacionais, o ex-prefeito de Nova York, Rudy Giulianni, é o preferido dos Republicanos, enquanto Hillary Clinton ainda lidera entre os democratas.
Huckabee é pós-graduado no seminário batista, mas resolveu entrar para a política quando ouviu um discurso do pai de todos os republicanos, Ronald Reagan, em agosto de 1980, num estádio de Dallas, Texas, ao lado de 15 mil evangélicos. “Todas as complexas e horrendas questões que confrontamos hoje em casa e no mundo tem as respostas em um simples livro”, disse o cowboy. Ali, segundo Huckabee, estava a gênese de todo o movimento cristão e conservador. Que, há mais de 20 anos, invadiu a política nos Estados Unidos.
Por esta e por outras a eleição presidencial norte americana vem sendo considerada uma das mais interessantes e importantes da história recente. Com base nas atuais pesquisas de opinião, poderemos ter uma mulher, um negro ou um pastor na Casa Branca. Já pensou como será o mundo a partir daí?
Postar um comentário